preterista fim dos tempos, preterismo



Solicitamos su permiso para obtener datos estadísticos de su navegación en esta web, en cumplimiento del Real Decreto-ley 13/2012. Si continúa navegando consideramos que acepta el uso de cookies. OK | Más información
 
 

O que e a visão preterista do fim dos tempos?



Pergunta: "O que e a visão preterista do fim dos tempos?"

Resposta:
A visão preterista trata o Apocalipse como uma imagem simbolica de conflitos da igreja primitiva que ja se cumpriram. Esta visão nega a qualidade de previsão do futuro de grande parte do livro de Apocalipse. Em diferentes niveis esta visão combina a interpretação alegorica e sombolica com o conceito de que o Apocalipse não lida com eventos futuros especificos. O movimento preterista ensina essencialmente que todas as profecias do Novo Testamento sobre o fim dos tempos se cumpriram em 70 d.C. quando os romanos atacaram e destruiram Jerusalem e Israel.

Ao passo que as cartas para as igrejas nos capitulos 2 e 3 de Apocalipse foram escritas para igrejas reais do primeiro seculo, e têm aplicações praticas para as igrejas de hoje em dia, os capitulos 6-22 contêm escritos sobre eventos que ainda são futuros. Não ha razão para interpretar profecias não cumpridas de forma alegorica. Profecias cumpridas foram cumpridas literalmente. Tome, por exemplo, todos os versiculos do Antigo Testamento prevendo a primeira vinda de Cristo. Cristo veio no tempo em que estava predito que viria (Daniel 9:25-26). Cristo nasceu de uma virgem (Isaias 7:14). Cristo sofreu e morreu pelos nossos pecados (Isaias 53:5-9). Estes são alguns poucos exemplos das provavelmente centenas de profecias do Antigo Testamento que o Senhor deu aos profetas registrados nas Escrituras e que foram literalmente cumpridas. Simplesmente não faz sentido tentar alegorizar profecias não cumpridas, ou entender profecias não cumpridas de qualquer outra forma senão por uma leitura normal.

Quando você lê Apocalipse capitulos 6-18, você lê sobre o tempo mais terrivel que ira existir na terra – o tempo em que a besta (anticristo) ira governar por sete anos (Grande Tribulação), e o falso profeta promovera a besta para que o mundo inteiro a adore como deus. Então, no capitulo 19, tudo chega a um climax com o retorno literal de Cristo. Cristo derrota a besta e o falso profeta na batalha do Armagedom, e então os lança no lago de fogo. No capitulo 20, Cristo aprisiona Satanas no abismo, e estabelece o seu reinado na terra por 1000 anos. Ao final dos 1000 anos, Satanas e solto e causa uma breve rebelião, porem Cristo rapidamente termina a rebelião e lança Satanas no lago de fogo. Então vem o juizo final, a ressurreição e o julgamento de todos os incredulos. Os capitulos 21 e 22 descrevem o estado eterno – a forma como todos os crentes irão aproveitar a presença e a comunhão com o Senhor por toda a eternidade.

O preterismo e inteiramente inconsistente na sua interpretação do livro de Apocalipse. De acordo com a visão preterista do fim dos tempos, os capitulos 6-18 de Apocalipse são simbolicos e alegoricos, não descrevendo eventos literais. No entanto, o capitulo 19, de acordo com o preterismo, deve ser entendido de forma literal. Jesus Cristo ira retornar literal e fisicamente. Então, o capitulo 20 e de novo interpretado alegoricamente pelos preteristas. A seguir, os capitulos 21-22 são entendidos pelo menos parcialmente de forma literal, que havera realmente um Novo Ceu e uma Nova Terra. Ninguem nega que o Apocalipse contem visões incriveis e muitas vezes confusas. Ninguem nega que o Apocalipse descreve algumas coisas de forma figurativa. No entanto, seletivamente negar a natureza literal de partes do Apocalipse resulta em não ter base para interpretar qualquer parte do Apocalipse de forma literal. Se os selos, as trombetas, os flagelos, as testemunhas, os 144 mil, a besta, o falso profeta e Reino Milenar, etc. são alegoricos ou simbolicos – com que base afirmamos que a Segunda Vinda de Cristo e a Nova Terra são literais? Esta e a falha do preterismo – ele deixa a interpretação do Apocalipse para as opiniões do interpretador. Ao inves disso, nos devemos lê-lo, acreditar nele e obedecer a ele – literal e exatamente.


Voltar à pagina principal em português

O que e a visão preterista do fim dos tempos?