05Deut28.htm 9:37 05-Deuteronômio Capítulo : 28

Capitulos: introdução(00), 01, 02, 03, 04, 05, 06, 07, 08, 09, 10, 11, 12, 13, 14, 15, 16, 17, 18, 19, 20, 21, 22, 23, 24, 25, 26, 27, 28, 29, 30, 31, 32, 33, 34, Introdução da Biblia.

05-Deuteronômio Capitulo : 28

1 Se ouvires atentamente a voz do Senhor teu Deus, tendo cuidado de guardar todos os seus mandamentos que eu hoje te ordeno, o Senhor teu Deus te exaltara sobre todas as nações da terra;

2 e todas estas bênçãos virão sobre ti e te alcançarão, se ouvires a voz do Senhor teu Deus:

3 Bendito seras na cidade, e bendito seras no campo.

4 Bendito o fruto do teu ventre, e o fruto do teu solo, e o fruto dos teus animais, e as crias das tuas vacas e das tuas ovelhas.

5 Bendito o teu cesto, e a tua amassadeira.

6 Bendito seras quando entrares, e bendito seras quando saires.

7 O Senhor entregara, feridos diante de ti, os teus inimigos que se levantarem contra ti; por um caminho sairão contra ti, mas por sete caminhos rugirão da tua presença.

8 O Senhor mandara que a bênção esteja contigo nos teus celeiros e em tudo a que puseres a tua mão; e te abençoara na terra que o Senhor teu Deus te da.

9 O Senhor te confirmara para si por povo santo, como te jurou, se guardares os mandamentos do Senhor teu Deus e andares nos seus caminhos.

10 Assim todos os povos da terra verão que es chamado pelo nome do Senhor, e terão temor de ti.

11 E o Senhor te fara prosperar grandemente no fruto do teu ventre, no fruto dos teus animais e no fruto do teu solo, na terra que o Senhor, com juramento, prometeu a teus pais te dar.

12 O Senhor te abrira o seu bom tesouro, o ceu, para dar à tua terra a chuva no seu tempo, e para abençoar todas as obras das tuas mãos; e emprestaras a muitas nações, porem tu não tomaras emprestado.

13 E o Senhor te pora por cabeça, e não por cauda; e so estaras por cima, e não por baixo; se obedeceres aos mandamentos do Senhor teu Deus, que eu hoje te ordeno, para os guardar e cumprir,

14 não te desviando de nenhuma das palavras que eu hoje te ordeno, nem para a direita nem para a esquerda, e não andando apos outros deuses, para os servires.

15 Se, porem, não ouvires a voz do Senhor teu Deus, se não cuidares em cumprir todos os seus mandamentos e os seus estatutos, que eu hoje te ordeno, virão sobre ti todas estas maldições, e te alcançarão:

16 Maldito seras na cidade, e maldito seras no campo.

17 Maldito o teu cesto, e a tua amassadeira.

18 Maldito o fruto do teu ventre, e o fruto do teu solo, e as crias das tuas vacas e das tuas ovelhas.

19 Maldito seras ao entrares, e maldito seras ao saires.

20 O Senhor mandara sobre ti a maldição, a derrota e o desapontamento, em tudo a que puseres a mão para fazer, ate que sejas destruido, e ate que repentinamente pereças, por causa da maldade das tuas obras, pelas quais me deixaste.

21 O Senhor fara pegar em ti a peste, ate que te consuma da terra na qual estas entrando para a possuires.

22 O Senhor te ferira com a tisica e com a febre, com a inflamação, com o calor forte, com a seca, com crestamento e com ferrugem, que te perseguirão ate que pereças

23 O ceu que esta sobre a tua cabeça sera de bronze, e a terra que esta debaixo de ti sera de ferro.

24 O Senhor dara por chuva à tua terra po; do ceu descera sobre ti a poeira, ate que sejas destruido.

25 O Senhor fara que sejas ferido diante dos teus inimigos; por um caminho sairas contra eles, e por sete caminhos fugiras deles; e seras espetaculo horrendo a todos os reinos da terra.

26 Os teus cadaveres servirão de pasto a todas as aves do ceu, e aos animais da terra, e não havera quem os enxote.

27 O Senhor te ferira com as ulceras do Egito, com tumores, com sarna e com coceira, de que não possas curar-te;

28 o Senhor te ferira com loucura, com cegueira, e com pasmo de coração.

29 Apalparas ao meio-dia como o cego apalpa nas trevas, e não prosperaras nos teus caminhos; seras oprimido e roubado todos os dias, e não havera quem te salve.

30 Desposar-te-as com uma mulher, porem outro homem dormira com ela; edificaras uma casa, porem não moraras nela; plantaras uma vinha, porem não a desfrutaras.

31 O teu boi sera morto na tua presença, porem dele não comeras; o teu jumento sera roubado diante de ti, e não te sera restituido a ti; as tuas ovelhas serão dadas aos teus inimigos, e não havera quem te salve.

32 Teus filhos e tuas filhas serão dados a outro povo, os teus olhos o verão, e desfalecerão de saudades deles todo o dia; porem não havera poder na tua mão.

33 O fruto da tua terra e todo o teu trabalho comê-los-a um povo que nunca conheceste; e seras oprimido e esmagado todos os dias.

34 E enlouqueceras pelo que has de ver com os teus olhos.

35 Com ulceras malignas, de que não possas sarar, o Senhor te ferira nos joelhos e nas pernas, sim, desde a planta do pe ate o alto da cabeça.

36 O Senhor te levara a ti e a teu rei, que tiveres posto sobre ti, a uma nação que não conheceste, nem tu nem teus pais; e ali serviras a outros deuses, ao pau e à pedra.

37 E viras a ser por pasmo, proverbio e ludibrio entre todos os povos a que o Senhor te levar.

38 Levaras muita semente para o teu campo, porem colheras pouco; porque o gafanhoto a consumira.

39 Plantaras vinhas, e as cultivaras, porem não lhes beberas o vinho, nem colheras as uvas; porque o bicho as devorara.

40 Teras oliveiras em todos os teus termos, porem não te ungiras com azeite; porque a azeitona te caira da oliveira.

41 Filhos e filhas geraras, porem não te pertencerão; porque irão em cativeiro.

42 Todo o teu arvoredo e o fruto do teu solo consumi-los-a o gafanhoto.

43 O estrangeiro que esta no meio de ti se elevara cada vez mais sobre ti, e tu cada vez mais desceras;

44 ele emprestara a ti, porem tu não emprestaras a ele; ele sera a cabeça, e tu seras a cauda.

45 Todas estas maldições virão sobre ti, e te perseguirão, e te alcançarão, ate que sejas destruido, por não haveres dado ouvidos à voz do Senhor teu Deus, para guardares os seus mandamentos, e os seus estatutos, que te ordenou.

46 Estarão sobre ti por sinal e por maravilha, como tambem sobre a tua descendência para sempre.

47 Por não haveres servido ao Senhor teu Deus com gosto e alegria de coração, por causa da abundância de tudo,

48 serviras aos teus inimigos, que o Senhor enviara contra ti, em fome e sede, e em nudez, e em falta de tudo; e ele pora sobre o teu pescoço um jugo de ferro, ate que te haja destruido.

49 O Senhor levantara contra ti de longe, da extremidade da terra, uma nação que voa como a aguia, nação cuja lingua não entenderas;

50 nação de rosto feroz, que não respeitara ao velho, nem se compadecera do moço;

51 e comera o fruto dos teus animais e o fruto do teu solo, ate que sejas destruido; e não te deixara grão, nem mosto, nem azeite, nem as crias das tuas vacas e das tuas ovelhas, ate que te faça perecer;

52 e te sitiara em todas as tuas portas, ate que em toda a tua terra venham a cair os teus altos e fortes muros, em que confiavas; sim, te sitiara em todas as tuas portas, em toda a tua terra que o Senhor teu Deus te deu.

53 E, no cerco e no aperto com que os teus inimigos te apertarão, comeras o fruto do teu ventre, a carne de teus filhos e de tuas filhas, que o Senhor teu Deus te houver dado.

54 Quanto ao homem mais mimoso e delicado no meio de ti, o seu olho sera mesquinho para com o seu irmão, para com a mulher de seu regaço, e para com os filhos que ainda lhe ficarem de resto;

55 de sorte que não dara a nenhum deles da carne de seus filhos que ele comer, porquanto nada lhe tera ficado de resto no cerco e no aperto com que o teu inimigo te apertara em todas as tuas portas.

56 Igualmente, quanto à mulher mais mimosa e delicada no meio de ti, que de mimo e delicadeza nunca tentou pôr a planta de seu pe sobre a terra, sera mesquinho o seu olho para com o homem de seu regaço, para com seu filho, e para com sua filha;

57 tambem ela sera mesquinha para com as suas pareas, que sairem dentre os seus pes, e para com os seus filhos que tiver; porque os comera às escondidas pela falta de tudo, no cerco e no aperto com que o teu inimigo te apertara nas tuas portas.

58 Se não tiveres cuidado de guardar todas as palavras desta lei, que estão escritas neste livro, para temeres este nome glorioso e temivel, o Senhor teu Deus;

59 então o Senhor fara espantosas as tuas pragas, e as pragas da tua descendência, grandes e duradouras pragas, e enfermidades malignas e duradouras;

60 e fara tornar sobre ti todos os males do Egito, de que tiveste temor; e eles se apegarão a ti.

61 Tambem o Senhor fara vir a ti toda enfermidade, e toda praga que não esta escrita no livro desta lei, ate que sejas destruido.

62 Assim ficareis poucos em numero, depois de haverdes sido em multidão como as estrelas do ceu; porquanto não deste ouvidos à voz do Senhor teu Deus.

63 E sera que, assim como o Senhor se deleitava em vos, para fazer-vos o bem e multiplicar-vos, assim o Senhor se deleitara em destruir-vos e consumir-vos; e sereis desarraigados da terra na qual estais entrando para a possuirdes.

64 E o Senhor vos espalhara entre todos os povos desde uma extremidade da terra ate a outra; e ali servireis a outros deuses que não conhecestes, nem vos nem vossos pais, deuses de pau e de pedra.

65 E nem ainda entre estas nações descansaras, nem a planta de teu pe tera repouso; mas o Senhor ali te dara coração tremente, e desfalecimento de olhos, e desmaio de alma.

66 E a tua vida estara como em suspenso diante de ti; e estremeceras de noite e de dia, e não teras segurança da tua propria vida.

67 Pela manhã diras: Ah! quem me dera ver a tarde; E à tarde diras: Ah! quem me dera ver a manhã! pelo pasmo que teras em teu coração, e pelo que veras com os teus olhos.

68 E o Senhor te fara voltar ao Egito em navios, pelo caminho de que te disse: Nunca mais o veras. Ali vos poreis a venda como escravos e escravas aos vossos inimigos, mas não havera quem vos compre.

Capitulos: introdução(00), 01, 02, 03, 04, 05, 06, 07, 08, 09, 10, 11, 12, 13, 14, 15, 16, 17, 18, 19, 20, 21, 22, 23, 24, 25, 26, 27, 28, 29, 30, 31, 32, 33, 34, Introdução da Biblia.

Solicitamos su permiso para obtener datos estadísticos de su navegación en esta web, en cumplimiento del Real Decreto-ley 13/2012. Si continúa navegando consideramos que acepta el uso de cookies. OK | Más información
05Deut28.htm 9:37